Sobre a Olimpíada de Filosofia do Estado de São Paulo | OFSP

APRESENTAÇÃO

A Olimpíada de Filosofia do Estado de São Paulo (OFSP) é um evento organizado anualmente, desde 2011. Consiste na realização de atividades didáticas de cunho filosófico a partir de um tema geral. Essas atividades têm início nas escolas e culminam em uma apresentação em evento estadual, propiciando um clima que pretende ser não de competição, mas de colaboração e estímulo ao pensamento.

Em 1995, durante o programa “Filosofia e Democracia no Mundo”, a Unesco recomendou a promoção das Olimpíadas de Filosofia, tanto em nível nacional quanto internacional, visando a estimular o interesse dos jovens por essa disciplina. Na América Latina, realizam-se Olimpíadas de Filosofia em diversos países, como na Argentina, Uruguai, Chile, Peru e Colômbia.

Esta Olimpíada destina-se a estudantes do Ensino Fundamental e Ensino Médio de escolas públicas e privadas, de todo o estado de São Paulo.

ETAPAS

A OFSP é dividida em duas etapas principais.

ETAPA 1: ATIVIDADES NAS ESCOLAS

Após a inscrição, as escolas já podem começar a se organizar e pensar no que irão mostrar na Olimpíada. Bons exemplos, que costumam rechear o evento de bom conteúdo e criatividade, são atividades artísticas, como dança, teatro, música, vídeo, instalações e exposições fixas das mais variadas, produção textual, etc.

O professor-coordenador deve selecionar os alunos que participarão do evento, e, caso seja do interesse, ele pode contribuir com sugestões de textos e atividades, enviando material para a Coordenação da OFSP, que disponibilizará virtualmente todo o material encaminhado.

ETAPA 2: ATIVIDADES NA OLIMPÍADA

Nesta segunda fase, são apresentadas e divulgadas as atividades trabalhadas. Também são realizadas as oficinas e os debates na forma de comunidades de investigação.

Para apresentações artísticas, os alunos se dividirão em vários auditórios, havendo, assim, um momento dedicada à visita de cada um deles. Os trabalhos selecionados para apresentação devem estimular o diálogo filosófico que será realizado nos debates.

Os temas das oficinas costumam ser surpresa. Esses laboratórios vão além da filosofia que está nos livros: eles aplicam o olhar filosófico aos temas mais cotidianos, como política, arte, sociologia, esportes, etc. Os alunos podem escolher de qual oficina participar.

Os debates são diálogos filosóficos em forma de Comunidade de Investigação, com base no tema geral da Olimpíada e nos textos produzidos pelas escolas. As escolas podem enviar, até uma data limite definida pelo evento, um texto argumentativo, de até 2 páginas digitadas, sobre o tema geral, redigido pelos alunos. Além de usados para o debate, os textos são publicados em formato digital.

LINKS DA OFSP

Auxiliar de Tecnologia

Nascido em Patos de Minas, MG, conheceu a OBMEP em 2014, recebendo sua primeira Menção Honrosa. Ama programação e matemática, e quer seguir uma carreira de desenvolvedor web back-end.

Comentários