OBFEP divulga resultados de 2017

Texto próprio da OBFEP

No ano de 2017, apesar das dificuldades em virtude do governo federal não ter liberado os recursos necessários para sua realização, aconteceu a 6ª edição nacional da Olimpíada Brasileira de Física das Escolas Públicas (OBFEP). Em conseqüência, diferentemente das cinco edições anteriores, tivemos que restringir o período de cadastramento das escolas e a participação de alunos abrindo inscrições apenas para o nono ano do Ensino Fundamental e a 1ª e 2ª séries do Ensino Médio. Mesmo assim, tivemos uma participação de quase 200.000 estudantes.
Nos resultados abaixo apresentados estão os alunos por série/ano e as escolas premiados em Nível Nacional. As escolas indicadas na Tabela 1 são aquelas que obtiveram maior pontuação em cada Unidade da Federação (UF) sendo uma federal, uma estadual e uma municipal. Deve-se observar que em algumas Unidades da Federação não há indicação das três modalidades de escola devido ao fato de nessas Unidades não existir escola(s) dessa(s) modalidade(s) com alunos premiados; em outras há mais que uma escola classificada por modalidade o que se deve a empates na pontuação. Deve-se lembrar que na OBFEP, além da Premiação Nacional, pode ocorrer, a critério de cada Coordenação, em cada Unidade da Federação (UF) a Premiação Estadual, e que as Cerimônias de Premiação Nacional e Estadual ficam a cargo das Coordenações Estaduais.
A Comissão da OBFEP parabeniza os participantes e os premiados em Nível Nacional e Estadual, agradecendo a colaboração de todos que tornaram possível a realização de mais uma edição da OBFEP. A relação dos estudantes é feita pela ordem alfabética dos nomes, e a das escolas pela ordem alfabética das Unidades da Federação (UF).

 

-9º ano do ensino fundamental

-1ª série do ensino médio

-2ª série do ensino médio

-Tabela 1 – Escolas Premiadas

 

As cerimônias de premiação serão marcadas a partir de abril de 2018.
Clique aqui para saber se a cerimônia de premiação já está marcada em seu estado.

Fundador e Diretor Geral

Nasceu em uma pequena cidade do interior de São Paulo chamada de Maracaí, tem 17 anos e é apaixonado por olimpíadas. Fundou e é Diretor Geral do Grupo Obmepeiros de Educação. Foi um dos desenvolvedores da OBMV e o idealizador do Programa de Treinamento Olímpico e Obmepeiros Simulados.

Comentários